A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso apresentou o programa das festas de São José, as festas concelhias, que acontecem, em 2022, entre os dias 12 e 20 de março. O retomar da procissão, a aposta exclusiva em artistas locais e a descentralização de palcos são algumas das novidades que caracterizam esta edição.

O São José, a primeira grande romaria do ano, na região, é um bom pretexto para uma visita. “A Póvoa de Lanhoso é o melhor concelho do mundo, para receber, onde se come melhor, onde se bebe melhor, onde se recebe melhor e onde as pessoas são mais hospitaleiras. Outros Presidentes de Câmara dirão isso também dos seus concelhos, mas a diferença é que, no nosso caso, é verdade”, referiu o Presidente da Câmara Municipal, Frederico Castro, na apresentação do programa, no Centro Interpretativo Maria da Fonte. Para além dos Vereadores do Executivo Municipal, estiveram ainda presentes o pároco, Armindo Gonçalves, e representantes de entidades locais que colaboram com a Autarquia na dinamização das Festas.

Ainda que com cautelas, o programa concretiza a pretensão de retomar eventos, como as festividades concelhias. “Temos de tentar normalizar o nosso dia-a-dia. Sem pressa a mais, mas tão breve quanto possível. Os últimos dois anos foram duros, difíceis, e muita gente precisa deste momento”, considerou Frederico Castro. Direcionado para Povoenses e forasteiros, o São José é um importante do ponto de vista cultural, religioso, económico, desportivo, social e deve ser vivido com alegria, em família ou com amigos. O São José é o principal cartaz turístico do concelho e uma montra do que de melhor existe na Póvoa de Lanhoso.

O artista Povoense, Domingos Silva, representa o melhor da Póvoa de Lanhoso e assina, mais uma vez, a imagem de base do cartaz. Precisamente com o objetivo de dar palco, o Executivo Municipal apresentou um programa que é feito para e com as gentes da terra, desde artistas a entidades, dando-lhes oportunidade de demonstrar a sua qualidade. Assim, todos os artistas musicais são da terra. Outra das novidades é a existência de diferentes palcos para acolher, em simultâneo, as distintas propostas musicais, de modo a prevenir grandes ajuntamentos.

Esta é uma preocupação que advém da conjuntura pandémica que ainda atravessamos. O Presidente da Câmara Municipal, Frederico Castro, frisou que este programa foi delineado num contexto de pandemia agravada, numa altura em que a Póvoa de Lanhoso apresentava o número mais elevado de contágios por COVID. A situação foi ultrapassada, mas obrigou a maior ponderação quanto às propostas, que levaram, por exemplo, a equacionar os moldes da Procissão em Honra de S. José.

Assim, em 2022, no dia 19 de março, regressa a realização da Majestosa Procissão em Honra de S. José, o ponto alto das Festividades, que irá percorrer as principais artérias da Vila a partir das 15h00. Contará com 33 andores (29 dos padroeiros, o andor de São José, o andor do Menino Jesus, o andor de Nossa Senhora da Misericórdia e o andor de São Marçal). No mesmo dia, o Hastear da Bandeira, realiza-se às 10h00, nos Paços do Concelho.

As recomendações de autoproteção em relação à COVID (uso de máscara, desinfeção das mãos) estão sempre presentes em todos os momentos do programa, apelando-se a que as pessoas adotem um comportamento consciente e responsável.

Consulte aqui o programa:

https://www.povoadelanhoso.pt/wp-content/uploads/2022/03/programasjose.pdf

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here